Teses e Dissertações


PARA UMA MEMÓRIA DA LEITURA: A FOTONOVELA E SEUS LEITORES

Tese
Autor: Isabel Silva Sampaio
Orientador: Lilian Lopes Martin da Silva
Ano da Defesa: 2004
Resumo: No segundo semestre de 1970, as revistas que publicavam fotonovelas no Brasil ocupavam o segundo lugar em tiragem e circulação, entre todos os títulos de revistas em circulação naquele momento, perdendo apenas para os quadrinhos infantis: somadas as tiragens de todas as revistas de fotonovela da época, as cifras mensais ultrapassavam um milhão de exemplares. A partir da constatação da existência de poucos trabalhos acadêmicos a respeito da fotonovela, este trabalho propõe-se a investigar o tema sob a perspectiva teórica da História Cultural, com o objetivo de reconstruir uma parte da história desse impresso e produzir uma determinada memória da leitura de fotonovelas, tendo como foco o leitor e a leitora e suas lembranças pessoais das práticas de leitura que caracterizavam a apropriação da fotonovela. 

Palavras-chave: não especificado


Produção de sentidos e processos inferenciais: um estudo da compreensão leitora de alunos do 3º ano do ensino fundamental

Tese
Autor: Ana Cláudia de Sousa Rodrigues
Orientador: Sérgio Antonio da Silva Leite
Ano da Defesa: 2004
Este estudo tem como objetivo investigar a produção de sentidos e processos inferenciais, a partir da leitura de textos narrativos, por alunos do 3º Ano do Ciclo I ¿ Ensino Fundamental I, em uma escola da Rede Municipal de Campinas. Foram selecionados três alunos do último ano do ciclo de alfabetização e analisadas as inferências produzidas por eles - de base textual, base contextual e sem base textual e contextual - segundo o modelo teórico proposto por Marcuschi (2008). Buscou-se relacionar, as inferências produzidas pelos mesmos com as conexões feitas no seu contexto social e escolar. Partiu-se do pressuposto que ler é inferir, sendo que a compreensão leitora está diretamente relacionada com a capacidade de produção de inferências, considerando a situação imediata em que ocorre a leitura e a contextualização cognitiva atreladas à organização dos conhecimentos e experiências pessoais. A coleta de dados baseou-se em sessões de leitura, em que foram utilizados 3 textos distintos, todos lendas da cultura popular brasileira: texto 1- "Dança do Arco-íris"; texto 2 - "A origem do Oiapoque"; texto 3 - "Romãozinho". Cada sujeito selecionado participou de duas sessões de leitura de cada um dos textos. A cada leitura, o sujeito leu em voz alta, em seguida elaborou comentários orais sobre o texto, com ou sem intervenção da pesquisadora. Foram realizadas18 sessões de leitura, todas viodeogravadas e transcritas. A partir desse material, foram identificados e analisados os tipos de inferências produzidas pelos sujeitos, sendo tais inferências cotejadas com as experiências vivenciadas pelos alunos nos primeiros anos de escolarização do ensino fundamental, em que se destacaram trabalhos com projetos interdisciplinares, como Sacola, Roda da Leitura e Festival Literário.).Verificou-se, nas inferências produzidas pelos sujeitos pesquisados, que o investimento, realizado pela professora, em práticas pedagógicas que prezam pela formação literária dos alunos contribuiu com processo de compreensão leitora, além da formação de leitores engajados e proficientes

Palavras-chave: leitura; compreensão leitora; inferência; ensino fundamental


SOBRE A(S) LEITURA(S) DOS MÉTODOS MUSICAIS : DA MIMESE AO ESTILO

Tese
Autor: Leonel Maciel Filho
Orientador: Ezequiel Theodoro da Silva
Ano da Defesa: 2004
Resumo: Ao comparar os métodos musicais A Escola de Música (Thomas Robinson, 1603) e A Técnica do Clarinete (Frederick Thurston, 1978) foi possível verificar poucas mudanças entre as duas obras. A pesquisa procura problematizar a noção de leitura que vem permeando a elaboração dos métodos musicais e a relação estabelecida entre os sujeitos-leitores (alunos e professores) e o objeto (métodos musicais) no processo de aprendizagem. Procurando repensar o leitor, o texto e o ato da leitura, esta pesquisa poderá gerar uma visão crítica do processo de ensino-aprendizagem da leitura, não somente no ensino musical mas em todas as áreas onde a relação sujeito-objeto é mediada por uma obra humana.

Palavras-chave: não especificado


IMAGENS, ESCOLA E LEITURA: ENCONTRO MARCADO

Dissertação
Autor: Alexsandra Jane Andrade Neves
Orientador: Norma Sandra de Almeida Ferreira
Ano da Defesa: 2003
Resumo não disponível.

Palavras-chave: não especificado


IMAGENS / REPRESENTAÇÕES DE PROFESSORA NA LITERATURA INFANTIL : UM CONFRONTO ENTRE A TRADIÇÃO E A INOVAÇÃO

Dissertação
Autor: Maura Maria Morais de Oliveira Bolfer
Orientador: Norma Sandra de Almeida Ferreira
Ano da Defesa: 2003
Resumo: O objeto de estudo do presente trabalho é a literatura infantil, e tem por objetivo principal identificar as representações/imagens de professora construídas em uma amostra composta por algumas obras da literatura infantil, no sentido de entender como tais representações constroem a mulher-professora, sua postura frente ao processo pedagógico e o modelo de escola em que atua. A escolha da literatura infantil como objeto de estudo se deveu ao fato de que é um dos principais instrumentos de trabalho na sala de aula, direcionado, portanto, ao público escolar e de caráter educativo. Ao longo do estudo, pôde-se observar um confronto entre opostos. Ora é a professora gorda, feia, carrancuda, autoritária. Ora é terna, amiga, linda, meiga, boazinha, compreensiva. Em um e em outro caso, o discurso verbal-visual da literatura infantil extrapola os limites destas escolas e personagens fictícias, e se projeta à sociedade, para aí difundir uma "moral" extraída do mundo observado pelo autor e por seu engenho criado.

Palavras-chave: não especificado


O ENSINO DE PSICOLOGIA NA FORMAÇÃO INICIAL DE PROFESSORES - CONSTITUIÇÃO DE CONHECIMENTOS SOBRE APRENDIZAGEM E DESENVOLVIMENTO POR ESTUDANTES DE LICENCIATURA

Tese
Autor: Clarisa Terezinha Guerra
Orientador: Sérgio Antonio da Silva Leite
Ano da Defesa: 2003
Resumo: Este estudo procurou investigar a contribuição do ensino de Psicologia na formação inicial de professores, focalizando o processo de constituição dos conhecimentos sobre aprendizagem e desenvolvimento por estudantes de licenciatura. Os dados foram obtidos na interação com uma amostra selecionada de sujeitos, constituída por 22 estudantes, com e sem experiência docente, em uma instituição pública de ensino superior. A partir da realização de entrevistas semi-estruturadas, das anotações do diário da pesquisadora e dos sujeitos e da seleção de documentos, foi efetuada a análise do conteúdo do material. Os resultados evidenciaram que os sujeitos possuem expectativas e conhecimentos prévios sobre aprendizagem e desenvolvimento, que são ressignificados de acordo com as condições objetivas oferecidas pelo ensino da disciplina, encontrando sentido nas experiências da história individual de cada estudante. O entendimento dos sujeitos tem implicações nas concepções sobre o encaminhamento de situações de ensino, o que permite concluir que a melhoria do processo de formação docente pode reverter-se em benefício da escolarização básica.

Palavras-chave: não especificado


O LER POR PRAZER

Dissertação
Autor: Fernanda Torresan Marcelino
Orientador: Lilian Lopes Martin da Silva
Ano da Defesa: 2003
Resumo: "Como se formou entre pais, alunos e educadores a idéias de que a leitura da literatura deve ser uma experiência obrigatoriamente de prazer dentro do contexto escolar?" Tendo como pressuposto as idéias de Bakhtin de que a força de um discurso está em seu jogo polifônico e de que cada época e cada grupo social tem um repertório discursivo, esta dissertação propôs-se buscar o processo de construção dessa forma de entendimento da leitura, empreendendo uma investigação em discursos produzidos para e por professores da década de 80. Selecionou-se, do amplo campo discursivo dessa área, quinze exemplares da revista "Leitura:Teoria e Prática", publicada pela ALB: Associação de Leitura do Brasil (nº zero ao 14); uma campanha de promoção de leitura, "A Ciranda de Livros", da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil; resumos de dissertações e teses sobre leitura defendidos em 80 e constantes do Catálogo presente no livro " A Pesquisa em Leitura no Brasil (1980-1995) de Norma Sandra de Almeida Ferreira, além de tomar como ponto central as idéias de Roland Barthes sobre o prazer de ler. 

Palavras-chave: não especificado


OS LIVROS NA ESCOLA ESTADUAL BARÃO GERALDO DE REZENDE : ENTRE A BIBLIOTECA E A SALA-AMBIENTE

Dissertação
Autor: Maria do Carmo Bianchi
Orientador: Lilian Lopes Martin da Silva
Ano da Defesa: 2003
Resumo: Com o objetivo de criar um ambiente propício e colaborador na formação do leitor, montou-se uma sala-ambiente para Língua Portuguesa, na Escola Estadual Barão Geraldo de Rezende, em campinas, São Paulo. Este trabalho narra o processo de idealização e construção deste ambiente. Também narra uma pequena história dos livros e da biblioteca, resultante da busca do passado deste acervo nesta instituição. Ressaltam-se as tensões entre as duas forças opostas agindo sobre a vida da biblioteca na escola : a de sua destruição e de sua regeneração. A vontade que nos guiou e conduziu nesse processo foi a de conhecer, recuperar e registrar as diferentes formas de existência de uma biblioteca escolar, numa instituição com mais de 30 anos.

Palavras-chave: não especificado


A FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES : AS AÇÕES DO PEC EM UMA ESCOLA DA REDE PÚBLICA PAULISTA

Dissertação
Autor: Maria do Carmo Abib de Moraes Polimeno
Orientador: Sérgio Antonio da Silva Leite
Data da Defesa: 17/04/2002
Resumo: Esta pesquisa, através de estudo de caso, teve como objetivo avaliar em que medida as experiências vivenciadas pelos professores de uma escola pública paulista, durante o Pec, resultaram em mudanças em suas práticas pedagógicas em sala de aula. Os dados foram coletados através de entrevistas semi-estruturadas com seis professores.

Palavras-chave: não especificado


PRÁTICAS DE LETRAMENTO DE ALUNOS DO ENSINO MÉDIO : UM ESTUDO DESCRITIVO

Tese
Autor: Eliane Porto Di Nucci
Orientador: Sérgio Antonio da Silva Leite
Data da Defesa: 07/01/2002
Resumo: Este trabalho objetivou descrever e analisar as práticas de letramento de jovens do Ensino Médio. Os dados foram coletados através de um questionário, o qual visava descrever as práticas de leitura e escrita, e de entrevistas, que tinham como objetivos explorar as informações já obtidas e explorar as práticas que envolviam os meios de comunicação. Esses dados foram analisados através de análise estatística (Qui-Quadrado) e da análise do conteúdo das respostas. Os resultados mostram que esses jovens reconhecem as funções sociais da leitura e da escrita, embora enfatizem as práticas vinculadas ao contexto escolar. Diante de dificuldades em compreender ou redigir um texto, eles apresentam diferentes estratégias cognitivas e comportamentais. Eles buscam a leitura dos meios comunicação escritos, particularmente jornais e revistas, por auxiliarem na leitura e na escrita. A internet não é citada como prática de letramento. Os meios de comunicação audiovisuais parecem contribuir pouco para a leitura e a escrita. Conclui-se que todas essas práticas contribuem para a inserção social e que os conteúdos acadêmicos devem promover a reflexão crítica e autônoma sobre o mundo letrado para que os jovens possam exercer a cidadania.

Palavras-chave: não especificado